segunda-feira, 9 de março de 2015

Tags: ,

Bill Gates diz que mundo precisa de um governo único para acabar com a pobreza




O filantropo multibilionário Bill Gates, fundador da Microsoft, afirmou que a única forma de atacar as mazelas do planeta de forma eficaz é estabelecer um governo mundial.
Gates listou os pífios avanços no combate ao aquecimento global e degradação do meio ambiente como um dos motivos que justificariam 
um governo único em todo o mundo, além de citar os problemas relacionados à fome e a miséria que não são solucionados.
“Você pode rir, mas é realmente triste ver como é executada a Conferência de Copenhague (sobre mudanças climáticas), como o sistema das Nações Unidas tem falhado, é triste”, disse Gates, em entrevista ao Süddeutsche Zeitung.
Para o homem mais rico do mundo – com fortuna estimada em US$ 80 bilhões – se forem levados em consideração todos os problemas mais urgentes do mundo, é “muito necessário” que se adote um governo único mundial.
Atualmente, existem entidades regionais, como por exemplo a União Europeia, Mercosul e União Africana, que atuam em seus respectivos continentes regulamentando ações conjuntas entre países, mas sem poder de interferência direta nas decisões soberanas de seus membros.

Leia também: Putin ameaça liberar imagens de satelites russos sobre o 11 de setembro e recontar a história 

Bill Gates afirma que a entidade que deveria atuar de forma mais objetiva em relação a essas questões é a Organização das Nações Unidas: “A ONU foi criada especialmente para a segurança do mundo. Estamos prontos para a guerra, porque tomamos todas as precauções. Nós temos a OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte), temos divisões, jipes, pessoas treinadas. Mas e as doenças? Quantos médicos têm, quantos aviões ou tendas de campanha temos? Que tipo de cientistas temos? Não existe tal coisa como um governo mundial, que poderia ser melhor para estar melhor preparado“, disse.