quinta-feira, 9 de abril de 2015

Tags:

NASA afirma que encontrará vida alienígena em 10 anos!

De acordo com o portal Tech Times, a NASA, durante um painel de discussão organizado em Washington, EUA, garantiu que, nas próximas décadas, é muito provável que seus pesquisadores comprovem a existência de vida extraterrestre.


''Eu acredito que nós vamos ter fortes indícios de vida fora da Terra na próxima década e a prova definitiva nos próximos 10 ou 20 anos", disse a cientista-chefe da agência espacial, Ellen Stofan. O painel contou com palestrantes que estabeleceram os esforços contínuos da agência espacial na procura de locais habitáveis ​​que possam abrigar vida extraterrestre.
Os cientistas afirmaram que já sabem o caminho exato para que as evidências sejam encontradas, focando as buscas por zonas, provavelmente, habitáveis. "Nós sabemos para onde olhar. Sabemos como olhar", disse Stofan. "Na maioria dos casos, nós temos a tecnologia, e nós estamos em um caminho para implementá-las”,acrescentou.
As chances de encontrar vida fora da Terra também foram sustentadas por estudos recentes que confirmam a presença de água, considerada uma peça fundamental para a existência de vida, em nosso sistema solar e em exoplanetas distantes.
A recente descoberta da “substância da vida” (água) em uma das luas de Júpiter, bem como a recente análise da atmosfera de Marte, que pode ter sido coberta com um enorme oceano, alimentaram a esperança da NASA no que diz respeito à formas de vida alienígenas.
Porém, essas formas de vida não seriam com os clichês que vemos por aí – adotado nas fotos desta reportagem. "Nós não estamos falando de homenzinhos verdes. Estamos falando de pequenos micróbios”, disse Stofan.
Tais achados sugerem que há razão para o otimismo sobre o tempo com o qual podemos encontrar uma forte evidência da existência de vida extraterrestre”, disse o ex-astronauta John Grunsfeld.
O nosso sistema solar não está sozinho ao abrigar água, que tantos cientistas veem como uma chave para encontrar a vida”, disse, ressaltando que a água foi detectada nas nuvens de sistemas planetários e sistemas estelares.
A Via Láctea é um lugar encharcado", disse Paul Hertz, diretor da Divisão de Astrofísica da NASA.
Agora, é tudo questão de tempo para que a notícia exploda nos jornais de todo o planeta!