quarta-feira, 17 de junho de 2015

Tags: ,

Uma civilizaçao misteriosa: Para onde foram os Anasazi?


O grande sudoeste americano é considerado por muitos como um lugar  povos antigos, espíritos e lendas que ainda hoje, habitam a região. Milhares de anos atrás, uma antiga cultura floresceu na região e deixaram pegadas surpreendentes no continente sub-americano, cidades gigantes, habitações nos penhascos e câmaras cerimoniais chamadas de kivas, foram encontradas, e todos eles pertenciam ao Anasazi. Ainda hoje, há pessoas que acreditam firmemente nessas histórias, e que os espíritos desta cultura antiga ainda habitam as terras.




Hoje a maioria da população do mundo vive em cidades cercadas por um ambiente feito pelo homem. Mas muitos ainda acreditam em um outro mundo, repleto de espíritos e magia antiga, um mundo que pode ser alcançado através de experiências místicas, essas lendas  são transmitidas de geração em geração.  A região chamada "Four Corners" bem conhecida pela confluência de quatro estados: Arizona, Utah, Colorado e Novo México é indígena.

Estas culturas antigas desapareceram há muito tempo, os seus espíritos ainda são uma presença poderosa na região, que muitos são capazes de sentir.

Em 1897, um fazendeiro procura do gado que tinha desviado do rebanho, fez uma descoberta surpreendente: as moradias de penhasco antigas no Colorado. Os edifícios espetaculares e artefatos eram uma evidência tangível de uma civilização avançada que viveu na área e desapareceu. Nos anos seguintes, mais grandes descobertas foram feitas quando estruturas semelhantes foram encontrados em Utah e Arizona.
As descobertas incríveis deixaram perplexos pesquisadores e historiadores, edifícios que nunca antes tinham sido vistos ou imaginados na região foram encontrados, algo que foi considerado incomum para os arqueólogos de hoje. Uma das estruturas no sítio arqueológico, que mais tarde seria chamada de Pueblo Bonito, contém mais de 650 quartos.
No Chaco Canyon, os pesquisadores descobriram uma dúzia de grandes complexos que incluem mais de 300 estruturas perfeitamente circulares. Mas, o que era seu propósito? As paredes são cobertas com pinturas e inscrições misteriosas. A descoberta de Chaco Canyon é um achado inédito na América, os pesquisadores acreditam firmemente que nada encontrado pode ser comparado ao poder de Chaco Canyon. Os arqueólogos ficaram impressionados com a riqueza de cerâmica, armas, ferramentas, jóias; e cada peça de arte encontrada nas imediações.

Curiosamente, 20 milhões de anos, Chaco Canyon foi o centro de um grande mar. Depois que o mar se retirou, a única coisa que restava era um deserto ressequido. Sem água, o elemento principal para a vida, como poderia esta antiga civilização florescer na região? E o mais importante, por que eles construiram suas cidades em um lugar "sem vida"? Este é apenas um dos muitos mistérios perturbadores que os arqueólogos não foram capazes de responder.
As paredes do cânion eram a principal fonte de pedra para a sua construção. Segundo os arqueólogos, este processo de engenharia incrível teria precisado de mais de 250.000 árvores. Se você viajar para Chaco Canyon hoje, você vai notar uma paisagem absolutamente desolada.

Para o processo de corte e escultura, os construtores antigos usaram apenas machados de pedra. Os povos antigos de Chaco não têm carros ou cavalos para transportar a madeira, assim como eles transportaram os seus materiais de construção?


Os arqueólogos têm colocado o Anasazi entre 900 e 1250 d.C. Não há dúvida de que os moradores dessas estruturas antigas incríveis estão muito longe, mas o que aconteceu com eles? Por que eles desaparecem como muitas outras grandes civilizações nas Américas? Foi um desastre natural que os fez sair de casa? E se assim for, para onde eles foram? Perguntas permanecem..

Leia também: Mistério sem resposta: Os Olmecas e suas misteriosas cabeças gigantes