sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Tags: ,

Cidade fantasma argentina ressurge das profundezas após 25 anos

Cidade fantasma ressurge após 25 anos sob a água: 






Epecuen, Argentina - Uma cidade fantasma que passou um quarto de século sob a água está vindo à tona para respirar novamente  ao sudoeste de Buenos Aires. 

Epecuen era um resort muito movimentado que ficava à beira de um grande lago, onde 20 mil turistas se hospedavam no local por temporada. Durante a era de ouro da Argentina, os mesmos trens que transportavam grãos para o exterior traziam os visitantes da capital para relaxar em banhos e balneários de água salgada do Epecuen  .

Estima-se que Epecuen foi o lar de 1.500 moradores, antes de começar a inundação em 10 de novembro de 1985. Após as fortes chuvas o lago Epecuen transbordou. Levou apenas 20 dias para a cidade submergir sob quase 10 metros de água, forçando todo mundo a se mudar.

Em seguida, uma tempestade particularmente pesada seguida de uma série de invernos chuvosos, o lago transbordou em 10 de novembro de 1985. Água rompeu um muro de contenção que acabou por invadir a cidade. As pessoas fugiram com o que podiam, e em poucos dias as suas casas ficaram submersas sob quase 33 metros de água salgada corrosiva. 

Agora, a água tem baixado expondo o que parece ser uma cena de um filme sobre o fim do mundo. A cidade não foi reconstruída, mas tornou-se um destino turístico  mais uma vez, para pessoas dispostas a dirigir pelo menos seis horas de Buenos Aires para chegar até aqui, ao longo 340 milhas de estradas estreitas.

As árvores são refletidas na água em Epecuen. Muitos moradores fugiram para Carhue nas proximidades, outra cidade à beira do lago, e criaram novos hotéis e spas, prometendo escapadelas relaxantes apresentando água salgada e lama faciais.

Um homem se recusou a deixar a aldeia. Pablo Novak, agora com 82 anos, ainda vive na periferia da cidade, acolhendo pessoas que vagueiam pelas ruas destruídas.

Confira as fotos: