sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Tags: ,

Nova vacina que pode ser a cura definitiva da AIDS será testada em humanos pela primeira vez


Cientistas estão otimistas para o início dos testes em seres humanos de uma nova vacina contra a AIDS. O medicamento foi testado minuciosamente em macacos, com resultados positivos pela equipe de Robert Gallo, cientista que descobriu, em 1984, que o vírus HIV desencadeava a AIDS.




De início, 60 voluntários participarão da primeira fase de testes, em que serão avaliadas a segurança e a reação do sistema imunológico à vacina, apelidada de "full-length single chain" (algo como cadeia simples de comprimento total).

Gallo e seu time de pesquisadores do Instituto de Virologia Humana, nos EUA, acreditam que a chave para o sucesso do medicamento está ação da vacina em gerar anticorpos contra as proteínas de superfície do HIV – chamadas gp120. Essa proteína é responsável por ligar o vírus às células brancas do sangue do nosso sistema imunológico. Depois que isso ocorre, o vírus faz com que nosso organismo se vire contra nós e, a partir daí, é tarde demais para exterminar o HIV.

Os testes serão realizados juntamente com a Profectus BioSciences, uma empresa de biotecnologia ligada ao Instituto de Virologia Humana.

Leia também: Doutor Italiano descobre a causa e a cura definitiva do câncer