domingo, 29 de novembro de 2015

Tags:

Misteriosa frota de navios fantasmas com marinheiros mortos aparecem do nada em costa do Japão


Uma frota de 11 navios fantasmas que continham os restos apodrecidos de marinheiros ancoraram no litoral japonês, o que provocou um certo tumulto no país. 




Os navios misteriosos têm dado origem a inúmeras teorias da conspiração no país, enquanto autoridades lutam para descobrir a identidade dos corpos. As equipes de resgate disseram à emissora japonesa NHK que os corpos de pelo menos 20 marinheiros estavam em 'estado de decomposição e alguns deles já se pareciam com esqueletos. Quatro dos navios chegaram no início de novembro, e mais sete foram vistos nas últimas semanas à deriva no Mar do Japão. 

O mais recente, descoberto na terça-feira, foi encontrado ao largo da costa de Fukui, cerca de 250 milhas ao norte de Tóquio. Tem sido impossível identificar os corpos e as autoridades não têm ideia de onde eles poderiam ter vindo. As únicas pistas sobre onde os barcos possam ter vindo são um pedaço de material que parece ter vindo de uma bandeira norte-coreana, e está escrito em um dos barcos algo que parece ser ''Forças Armadas da Coreia do Norte ". Alguns acreditam que os navios são barcos de pesca da Coréia do Norte, devido ao fato da nação estar expandindo sua indústria de pesca para aumentar as colheitas. Mas a falta de equipamentos modernos, incluindo GPS de localização de equipamentos, a bordo dos navios significa que vários estão desaparecidos há décadas. 


Outros acreditam que os marinheiros podem ter sido norte-coreanos que tentaram fugir do regime opressivo do líder Kim Jong-un. Guardas costeiros disseram à emissora NHK que as equipes podem ter ficado à deriva por muito tempo sem ninguém saber onde estavam. O projeto primitivo dos barcos sugerem que eles não foram criados no Ocidente. Acredita-se que os barcos só chegaram a costa devido as recentes tempestades que podem guiados em direção ao litoral (via dailymail.co.uk)

Confira o vídeo: 



Veja também: Navio reaparece 90 anos após ter desaparecido no misterioso triangulo das bermudas