terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Tags: ,

Madeireiro americano que sofreu abdução há 40 anos atrás conta seu relato aterrorizante


Contatos Imediatos de quarto grau é quando uma pessoa afirma ter sido abduzida por um OVNI e ter contato direto com seus ocupantes supostamente sobrenaturais.




Claro, não há nenhuma prova concreta de que alguém alguma vez tenha sido levado a bordo de uma nave extraterrestre. Mas há aqueles que afirmam que foram sequestrados, e suas histórias são de arrepiar.

Um dos mais aterrorizantes foi o caso de Travis Walton que aconteceu há 40 anos, quando ele tinha 22 anos de idade diz que ficou inconsciente, e quando acordou estava cercado de ETs dentro de sua nave.

"Era um disco metálico, brilhante, que emitia alguns sons muito estranhos", Disse Walton. 
"Em um certo momento eu pulei pra fora da nave, que já se encontrava em solo, e em seguida, corri para o meu caminhão apavorado, e foi aí que uma explosão de energia bateu em mim, e eu senti este choque entorpecente percorrer meu corpo. "

O incidente começou no dia 05 de novembro de 1975, depois de um longo dia de trabalho no Sitgreaves National Forest perto de Heber, Arizona. Walton e outros seis madeireiros estavam indo para casa quando de repente viram um disco brilhante de 20 metros de diâmetro que estava pairando no ar.
Walton disse pela primeira vez sua extraordinária história em um livro de 1978, "A Experiência Walton", que se tornou um filme de 1993, "Fire In The Sky". Seu contro também se transformou em um documentário franco, "Travis:. A Verdadeira História de Travis Walton"

Walton revela os detalhes terríveis de sua experiência nas mãos de vários seres "não-humanos", e seus sentimentos de asfixia e o medo de que ele estava quando o evento se desenrolou.

Assista a este trailer de 'Travis: The True Story of Travis Walton'



"Eu ainda estava sobre a mesa. E logo que eu vi esse cara, e sabia que não era humano, eu tentei bater nele. Eles eram muito menores do que eu, e eu acho que essa é a razão que eles desistiram. Uma vez que eles descobriram que não podiam me controlar, eles se separaram. Eu estava absolutamente aterrorizado ".

Walton, na foto à direita, foi declarado desaparecido há cinco dias, durante os quais seus amigos cairam sob suspeita de crime. Quando Walton finalmente apareceu novamente, sem saber quanto tempo ele tinha ficado ausente, uma intensa investigação estava em andamento, incluindo polígrafo múltiplo, testes físicos e testes psicológicos.

"Cerca de 15 anos mais tarde, descobriu-se que as árvores mais próximas de onde [o UFO] pairou tinha aumentado a produção de fibra de madeira em 36 vezes da taxa que tinha nos tínhamos 85 anos antes disso", diz Walton. "Mais recentemente, uma amostra completa do núcleo revelou que este crescimento foi espessada somente no lado das árvores para, ou na direção que a nave tinha pousado".

"A evidência científica sobre a probabilidade de vida inteligente em nossa vizinhança tornou-se tão grande que as pessoas que acreditam que estamos sozinhos no universo são malucos" Disse Walter.

Para comemorar o 40º aniversário de sua abdução, Walton falará numa convenção que acontecerá em novembro no Arizona. Haverá também uma viagem para o local exato onde esta controvérsia de quatro décadas começou.

Leia também: General romeno Emil Strainu confirma: ''Existem ETs reptilianos na terra atualmente e são assustadores''