segunda-feira, 23 de maio de 2016

Tags: ,

Especialista do sono revela em estudo que a pessoa que dorme no lado direito da cama é mais...

Tens o hábito de dormir do lado direito da cama? Pois bem, então tens de saber que um estudo revelou que as pessoas que escolhem esse local para dormir, possuem 7% a mais de probabilidade de acordarem rabugentas.


É claro que outros motivos também podem implicar num despertar não muito agradável, mas já vais entender melhor o porquê.

Segundo o estudo, as pessoas que dormem desse lado da cama, são normalmente mais pessimistas do que as que costumam descansar do lado esquerdo.
Além disso, elas também têm 7% mais de probabilidades de acordarem mal-humoradas e 3% de não gostarem ou simplesmente odiarem os seus respectivos trabalhos!

Resumindo …. é MAIS MAL HUMORADO!

Quem dorme do lado esquerdo, conta com 10% a mais de possibilidade de possuir uma visão mais positiva da vida e 8% a mais de probabilidade de gostarem do seu trabalho, algo que lhe faz estar sempre alegre e com o humor em alta.

Contando com a participação de 1.000 adultos, o estudo foi realizado pela famosa fabricante de camas, a Sealy UK, empresa essa que também acabou por descobrir que pessoas solitárias têm preferência em dormir no lado direito, enquanto aqueles com uma grande quantidade de amigos, opta pelo lado esquerdo.

Em declaração, o especialista em sono e também um dos executivos da Sealy UK, afirmou que: “Embora as margens sejam pequenas, a pesquisa destaca certamente uma tendência interessante: pode ser possível que o lado esquerdo da cama seja o lado ‘certo’?”

Para finalizar, o estudo ainda descobriu que um em cada três casais dormem em camas separadas, quase metade não partilha um edredom, e que mudam de divisão quando o ronco do outro o incomoda. Além disso, um em cada dez é empurrado para fora da cama pelo animal de estimação ou então pelos filhos. Fonte: Altamente.org

Compartilha com o teu (ou a tua) companheiro/amigo que sempre preferiu o lado direito da cama!

Veja também: Cientistas afirmam: ''Abraçar uma árvore acarreta em fortes impactos imediatos para a saúde humana''