sábado, 24 de setembro de 2016

Tags: , ,

Cientistas alertam: 'Seres humanos com fator Rh negativo pertencem a uma linhagem extraterrestre'

Nós humanos temos quatro tipos sanguíneos gerais: A, B. AB e O.  Esta classificação é derivada, de acordo com cientistas, das proteínas que são encontradas na superfície celular projetadas para combater bactérias e vírus no corpo humano.


 A grande maioria dos humanos neste planeta possui estas proteínas, o que significa que seu fator sanguíneo é Rh Positivo.  Mas um grupo minoritário, com Rh Negativo, falta estas proteínas.  Assim, como seria esta crucial diferença explicada cientificamente?  E por que ela existe?  Através dos anos, vários estudos científicos têm procurado por estas respostas.

Aqueles que não têm o gene (RH -) são conhecidos por possuir altos níveis de QI, temperaturas corporais mais baixas e uma surpreendente sensibilidade ao calor e à luz solar. Alguns até sugeriram que eles podem ter habilidades psíquicas, como a capacidade de controlar aparelhos elétricos com suas mentes. 

Agora, alguns cientistas acreditam ter encontrado uma coisa fascinante a respeito dos Rhs Positivo e Negativo.  De acordo com esta teoria “científica”, num passado distante, seres extraterrestres visitaram a Terra e criaram, através de “manipulação genética”, o Rh Negativo, com a intenção de criarem uma raça de “escravos”.

O povo Basco da Espanha e França possui o maior percentual de sangue com Rh negativo.  Aproximadamente 30% possui (rr) Rh Negativo e aproximadamente 60% carrega um gene (r) negativo.

Mas, alienígenas… realmente?  Segundo os investigadores, isto explicaria o porquê das mães com Rh Negativo não tolerarem fetos com Rh Positivo; assim, esta intolerância radical e difícil de explicar pela maior parte das leis naturais deriva de uma modificação genética antiga, o que explica porque os grupos de Rh Positivo e Rh Negativo tendem a se ‘repelir, ao invés de se juntar.

Esta teoria nos leva aos tempos da antiga Suméria, quando uma raça de alienígenas altamente avançados teria vindo de outro lugar do cosmos;  Os Anunnakis, teriam construído e criado as primeiras sociedades humanas.

Acredita-se que estes seres antigos planejaram e alteraram geneticamente as espécies humanas primitivas, criando seres mais fortes e mais ‘adequados’, os quais foram usados como escravos num passado distante.

O Rh Negativo seria o legado que os Anunnakis deixaram na Terra, entre outras coisas.  De forma interessante, o tipo Rh Negativo é característico, por exemplo, na família real britânica, o que gerou muitas teorias controversas sobre uma possível linhagem extraterrestre.  Embora esta hipótese não tenha sido confirmada, as questões perturbadoras que ela gera pairam no ar: Como o mundo civilizado iria reagir ao fato de que uma porção pequena da população terrestre possui código genético que foi alterado no passado distante por seres extraterrestre altamente avançados?

E se fosse possível que o grupo de pessoas com Rh Negativo tivesse uma conexão com seres de fora da Terra?  E se ainda houver uma conexão misteriosa entre eles?  Como a vida na Terra mudaria? 

Leia também: 3 Espécies extraterrestres mais influentes na Terra que você precisa conhecer agora mesmo!