quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Tags: ,

Putin alerta: ''Ocidentais estão sendo controlados por alimentos e medicamentos geneticamente modificados''

Vladimir Putin afirma que os ocidentais estão sendo controlados por alimentos e medicamentos geneticamente modificados.

 

Um relatório elaborado pelo Conselho de Segurança da Rússia (SCRF) está atualmente causando agitação no Kremlin. O relatório ordena, por decreto do presidente Vladimir Putin, que o povo russo deve ser protegido "a todo custo" contra os graves perigos para a saúde que representam os alimentos geneticamente modificados e os produtos farmacêuticos ocidentais. No relatório, a crença de Putin de que a próxima fase da evolução humana está sendo ameaçada por alimentos geneticamente modificados e medicação moderna é afirmado nos termos mais claros. O presidente escreveu; "Nós como uma espécie temos a escolha de continuar a desenvolver nossos corpos e cérebros em uma trajetória ascendente saudável, ou podemos seguir o exemplo ocidental das últimas décadas e envenenar intencionalmente a nossa população com alimentos geneticamente alterados, produtos farmacêuticos, vacinas e fast food que devem ser classificados como uma droga perigosa e viciante. "Ele também expressou a vontade de lutar contra essas tendências perigosas na sociedade russa, pois acreditava que poderia incapacitar física e intelectualmente a população. O relatório também afirmou que é a crença do governo russo de que o ocidental médio era um "homem gordo autista intensamente vacinado, deslocado em frente a uma tela tomando um de xarope de milho rico em frutose", como resultado das políticas públicas de saúde Europa e América do Norte. O relatório afirma que o dano das populações no mundo ocidental tinha sido decretado deliberadamente por forças "escuras / malignas" por certos elementos nos governos ocidentais para facilitar o controle das pessoas. Não só esta ação é altamente imoral, afirma o relatório, mas também "contraproducente a médio e longo prazo". O relatório certamente motivará os planos da Rússia para estimular uma agricultura totalmente orgânica, sustentável e ecologicamente limpa. Durante alguns anos, a Rússia foi se afastando da agricultura moderna para a agricultura biológica para se tornar o principal exportador mundial de alimentos não-geneticamente modificados. Nos últimos meses, o Kremlin anunciou que a produção de alimentos geneticamente modificados na Rússia vai chegar a um fim permanente.