segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Nova fraude do telefone está a fazer milhares de vitimas no mundo todo

Infelizmente, cada vez que um golpe é descoberto e eliminado, outro é criado o substituir. Os criminosos inventam sempre novas burlas para conseguirem extorquir dinheiro às pessoas.


Esta nova farsa via telefone é um exemplo disso. Ela está a fazer milhares de vítimas, e agora os polícias de todo o mundo querem que os cidadãos estejam alerta!

O golpe consiste no seguinte:

Um telefonista liga para informar que existe uma fraude em curso envolvendo um de seus cartões de crédito. Esse indivíduo não vai pedir o seu número de cartão ou informações pessoais. No entanto, ele recomenda que você entre em contato com o seu banco ou com a policia.

Nessa altura, o impostor finge passar a ligação para o banco. Você pensa que a chamada foi transferida, mas o criminoso permanece na linha. Nessa altura, você é atendido por um suposto empregado do banco, que o aconselha a transferir o seu dinheiro para um número de conta específico de forma a proteger as suas poupanças até a “investigação” acabar.

Em alguns casos, o impostor também pode pedir as informações do seu cartão de crédito, número de conta bancária ou outras informações pessoais. Nunca revele nada disso por telefone! Só em Toronto, no Canadá, as queixas feitas pela população indicam que os golpistas conseguiram roubar 5,1 milhões de dólares canadianos (3 milhões de euros/13 milhões de reais) com a fraude, em apenas alguns dias. Isso foi só numa cidade, imagine se fizerem essa quantia ao redor do mundo!

Essa farsa é particularmente dirigida a pessoas com uma linha telefônica em casa.

A polícia relembra a todos:
Se tem dúvidas sobre a segurança dos seus fundos pessoais, dirija-se ao seu banco e faça a pesquisa pessoalmente.
As instituições financeiras NUNCA o aconselham a transferir fundos para contas externas por razões de segurança.
Quando você é contactado por telefone por pessoas que afirmam ser policias, funcionários do banco ou funcionários públicos, tome medidas para garantir a sua veracidade.
Não assuma que os números de telefone nos ecrãs de exibição de chamadas estão corretos. A tecnologia de “falsificação” é frequentemente usada por criminosos para fornecerem informações imprecisas sobre o chamador.
Partilhe para que todos possam estar alerta!