quinta-feira, 5 de abril de 2018

Mistério: China inventa avião com metais nunca vistos antes na história!

O NOVO CHENGDU J-20

O J-20 é a mais recente criação de energia asiática. Diz-se que este é o avião de combate mais poderoso hoje, batendo seus homólogos americanos e russos. Hoje, a reação dos Estados Unidos a tal ameaça não é conhecida exatamente, já que o super avião chinês acaba de sair da linha de montagem.

AGORA, EXISTEM APENAS DOIS UNIDADES PRONTAS PARA COMBATER.

Embora eles estejam obviamente fazendo mais para aumentar o poder aéreo chinês. Sua função é clara. Ser um interceptador furtivo de possíveis ameaças, ser capaz de caçar e derrubar alvos infiltrados. Claro, também poderia ser usado simplesmente para patrulhar os céus.

USO DE METAMATERIAIS DE ÚLTIMA GERAÇÃO

O mundo inteiro viu como a China estava fazendo algo há muito tempo. Bem, eles estavam certos. Um desses segredos foi este avião, que ficou conhecido desde a sua apresentação em 2011, mas não se sabia que sairia tão cedo. O mundo ficou perplexo ao ver que os chineses usavam metamateriais de maneira eficaz.

Metamateriais são, como o nome indica, materiais compósitos. Neste caso, eles usaram polímeros e metais compostos que desafiam a geometria natural. Essas características se desviam a favor dos comprimentos de onda eletromagnéticos, por isso é indetectável para os radares, enquanto o ruído gerado é radicalmente reduzido.

VANTAGENS DOS MATERIAIS COMPÓSITOS

Metamateriais são ridiculamente caros comparados aos convencionais, mas vale a pena. O J-20, como indicado acima, é furtivo para radares, mas tem outras qualidades quase únicas, como a capacidade de bloquear elos que criam interferência de comunicação entre aeronaves inimigas.

Além disso, você pode criar um inibidor de curto alcance que desabilita os mísseis controlados por rádio. Por fim, as antenas criadas com materiais compostos podem receber e enviar informações mais rapidamente a distâncias maiores. Sabendo de tudo isso, eu não gostaria de ter problemas com a China.