quarta-feira, 4 de abril de 2018

Trabalhador da NASA afirma ter visto humanos andando em Marte em 1979

Uma mulher que afirma ser uma ex-funcionária da agência espacial NASA se apresentou para alegar que ela e várias outras testemunhas acidentalmente viram um vídeo em 1979, mostrando duas figuras que pareciam ser humanas andando pela superfície de Marte.


A mulher, que se referiu a si mesma apenas como "Jackie" quando fez a surpreendente revelação, alegou que estava empregada pela NASA junto com vários outros para lidar com a telemetria de downlink da sonda Viking, a precursora do atual Curiosity Rover. Ela disse que enquanto ela e seus seis colegas estavam trabalhando neste projeto, eles viram "dois homens em trajes espaciais" se aproximando da Viking. 

Foi nesse ponto que a transmissão do vídeo da superfície de Marte foi cortado para todos os que trabalhavam no download dos dados. "Jackie" diz que ela e seus outros colegas correram para o andar de cima, onde a alimentação principal ainda estava ativa, mas eles se viram impedidos de entrar. "Corremos para o andar de cima - mas eles trancaram a porta e colaram papel na porta para que não pudéssemos ver", ela disse: "Minha pergunta é: eles eram nossos homens?"

Ex-funcionário da NASA afirma que o homem já andou em Marte há muito tempo

Esta não é a primeira vez que um ex-funcionário do governo dos Estados Unidos apresentou histórias de seres humanos há muito tempo que colonizaram Marte. Segundo o ex-piloto da CIA, John Lear, a NASA estabeleceu sua primeira presença em Marte em 1966 e os humanos foram rapidamente treinados para sobreviver nas condições do clima hostil de Marte.

No entanto, as alegações de Lear não foram levadas a sério por muitos, devido às suas crenças extraordinárias sobre outros aspectos das viagens espaciais. Lear, por exemplo, afirma que, após a morte, a alma humana viaja para a Lua, onde são processados ​​dentro de uma torre de vidro de uma milha de altura. Ele também afirma que o planeta inóspito de Vênus é realmente "verde e belo", mas que esse conhecimento está sendo escondido do público em geral.

Veja o vídeo: