sábado, 7 de julho de 2018

Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, diz que Deus é estúpido

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, insultou muitas pessoas, incluindo líderes mundiais e autoridades de alto escalão, mas agora ele foi um passo além e questionou a lógica de Deus, chamando-o de estúpido.

O líder de 72 anos que é um crítico aberto da Igreja Católica, estava se referindo ao conceito de pecado original na Bíblia durante uma cúpula na cidade de Davao na sexta-feira.

RT relata: Duterte recordou a história da criação da Bíblia de Adão e Eva e como eles comeram o fruto proibido.

“Adam comeu… então malícia nasceu. Quem é esse Deus estúpido? Aquele filho do filho é estúpido se for esse o caso ”, disse o líder franco. “Você criou algo perfeito e depois pensa em um evento que tentaria e destruiria a qualidade do seu trabalho”.

Notório por suas declarações controversas, o presidente continuou dizendo que os bebês não deveriam ser responsáveis ​​pelo pecado original. “Essa foi a sua mãe e o feito do seu pai, você ainda não nasceu, mas agora você tem pecado original. Que tipo de religião é essa? Eu não posso aceitar isso. ”Duterte, no entanto, disse que ainda acredita na existência de“ uma mente universal ”.

O mais recente discurso não é o único sobre o tema da religião. No começo de junho, Duterte fez um longo discurso contra os padres católicos por criticar o governo, acusando-os de hipocrisia. Em 2015, enquanto ainda prefeito da cidade de Davao, ele até amaldiçoou o papa Francisco durante os engarrafamentos durante sua visita.

Além de seus ataques à religião, o líder filipino tem um grande portfólio de insultos dirigidos a líderes mundiais e funcionários de alto escalão. Uma de suas maiores 'hits' continua chamando o ex-presidente dos EUA, Barack Obama um “filho de ab * tch / prostituta” e dizendo-lhe para “ir para o inferno.” Ele também ameaçou “queimar as Nações Unidas” e chamou o ex-secretário da ONU -Geral Ban Ki-moon um "diabo"