quarta-feira, 8 de agosto de 2018

Polônia propõe incluir "valores cristãos" na nova Constituição

O presidente da Polônia propôs a incorporação de "valores cristãos" na nova Constituição, como parte das mudanças que a sociedade precisa . 

O presidente polonês Andrzej Duda propôs um referendo para estabelecer mudanças na Constituição, que acontecerá nos dias 10 e 11 de novembro , coincidindo com a celebração do centenário da independência da Polônia . 

A consulta da população é focada em conhecer a vontade dos poloneses , no que diz respeito a se eles querem manter sua Constituição , que remonta a 1997, alterá-lo ou ter um novo.

Queremos perguntar aos polacos qual seria a idade da reforma, os programas familiares e o lugar da Polónia na OTAN e na União Europeia , procurando que estes acordos sejam garantidos constitucionalmente. 

Os eleitores também serão questionados se a Constituição deve se referir aos valores cristãos como herança e patrimônio da Polônia . 

O resultado de um referendo não ditaria o futuro da Constituição, mas funcionaria como uma indicação das mudanças que os poloneses querem ver. 

O Senado , a câmara alta do parlamento polonês, deve decidir na próxima semana se o referendo continuará.

Polônia comemora seu centenário da independência em 11 de novembro.