sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Bombeiro tenta resgatar arara mas a arara manda ele ''se foder''

“Fuck off!”, algo como “Vai se fu***!”, disse a arara Jessie a um bombeiro que tentava alguma forma de comunicação para recapturá-la em um telhado de Edmonton, em Londres, no Reino Unido. Como se a vida de um bombeiro já não fosse difícil o bastante, diga-se de passagem. As informações são do site surrealista



A arara – uma arara-canindé, espécie originária da América do Sul – tinha fugido de uma casa vizinha e estava há três dias no telhado, o que fez com que sua dona ficasse preocupada. Será que Jessie estava machucada? 

O bombeiro Atinc Horoz, responsável por subir no telhado com uma escada extensível, foi instruído a dizer “Eu te amo” em inglês para tentar atraí-la, informa a BBC. De volta, só escutava palavrões.

Palavrões, e em idiomas diversos. Além de inglês, a arara sabia xingar em grego e em turco, outras línguas a que teve acesso durante seu processo de antropomorfização. O bombeiro também aprendeu “Vem!” nessas línguas, o que acabou dando certo. Jessie foi, mas depois mudou de ideia e fugiu novamente para o telhado de outro vizinho.

Quando voou, Jessie mostrou que estava bastante saudável. Talvez estivesse apenas de saco cheio do cativeiro, o que acontece muito com animais silvestres que nasceram para viver FORA DE UMA GAIOLA (desculpe pelo caps, desculpa mesmo… não vai se repetir). No dia seguinte, acabou voltando para o cativeiro.

Da gaiola, disse “Love them”, ou “Amo-os”, o que na cabeça de sua dona significou um agradecimento ao carinho com que o Corpo de Bombeiros de Londres tratou-a. Abaixo, o vídeo (OLHA COMO EL… desculpe… olha como ela parece “radiante”…), divulgado pelo Twitter oficial dos bombeiros londrinos: