quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Funciona 100% Antigo ritual irá te ajudar a descobrir se tens mau-olhado e invejosos ao redor

Estás a ser afetado pelo olho-gordo ou mau-olhado? Com este ritual antigo vais descobrir a verdade.

Na idade das trevas em que a ciência e o progresso ainda não haviam se estabelecido como o farol da humanidade, dúvidas sobre fenómenos naturais e sociais encontravam explicações criativas e simples no sobrenatural: as superstições tornaram-se a maneira mais eficaz de prevenir e curar os males inexplicáveis ou inaceitáveis.

Entre estes, o mau olhado é uma das tradições populares mais difundidas em todas as latitudes e eras: já no terceiro milênio a.C. os sumérios acreditavam que a inveja e os maus desejos podiam se canalizar e trazer a desgraça para o objeto de olhares invejosos.

Se era fácil atraí-lo, havia também uma maneira de descobrir e se livrar dele.

O necessário para detetar o mau olhado era um ovo (de preferência branco), um recipiente (como um copo) e água.

Primeiro tem que passar o ovo na suposta vítima do feitiço, como um detector de metais moderno, e depois quebrá-lo no recipiente quase cheio com água.

Como ler o ovo? Muito simples (sabendo as seguintes interpretações): 
As bolhas ao redor da gema indicam que a pessoa está cansada, sem energia e pode sofrer de dores musculares ou tonturas.

Na gema, uma “figura” pode aparecer: se humana, simboliza a pessoa que o inveja, se animal deve recorrer aos sonhos para entender a fonte da preocupação.
Se estão presentes algumas “agulhas” no ovo, indicam a presença de pessoas que o invejam.

Se a gema estiver coberta com um manto, há alguém que te incomoda.
A presença de manchas pretas ou vermelhas na gema indica uma saúde frágil.
Se o ovo é opaco, existe um mau olhado.

Figuras enroladas indicam boa saúde.

Se a gema não se afunda, mas permanece suspensa ou se move, provavelmente alguém está interferindo na sua vida.
Gostou? Seja qual for a resposta, saiba que depois ainda pode fritar e comer o ovo.