terça-feira, 18 de dezembro de 2018

Pela primeira vez na história os cientistas são capazes de encolher objetos

Pela primeira vez, os pesquisadores produziram nano-objetos encolhidos. Primeiro, eles montaram objetos 3D em um hidrogel especial, então um ácido fez com que o gel e seu conteúdo diminuíssem. 

O design 3D tornou-se assim um objeto dez a mil vezes menor - sem distorções ou defeitos. A grande vantagem: esse método de "fabricação de implosão" é viável com a tecnologia convencional e permite nanoconstrutos completamente novos, como relatam os pesquisadores na revista especializada "Science".

Muitos laboratórios de pesquisa já estão abastecidos com o equipamento necessário para este tipo de fabricação. 

Equipe inventa método para encolher objetos para a nanoescala

Pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) desenvolveram um método que, pela primeira vez, produz objetos 3D detalhados em nanoescala - encolhendo. Para fazer isso, eles primeiro posicionam os componentes do objeto em uma pré-variante maior. Então eles encolhem a coisa toda e criam o objeto desejado no formato nano.

Este chamado "fabrico de implosão" é possível graças a um hidrogel especial feito de poliacrilato / poliacrilamida. Se, por exemplo, este gel é exposto a um ácido, o teor de água e as ligações químicas mudam de forma que todo o gel se contraia uniformemente.

Ângulo do produto fotográfico monocromático

Estruturas 3D complexas em nanoescala - produzidas por encolhimento. Crédito: MIT / Daniel Oran

O novo método expande consideravelmente as possibilidades existentes de nano-fabricação, como enfatizam os pesquisadores:

"Com a fabricação implosion, podemos produzir todos os tipos de estruturas, gradientes, formas desconexas ou objetos de vários materiais"

A grande vantagem é que essas estruturas 3D podem ser montadas e projetadas antes de encolherem com uma precisão que dificilmente é possível em tamanho nano. Fonte: Science Mag