quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Japão retomará a caça de baleias em julho deste ano

O governo japonês está se retirando da Comissão Internacional da Baleia para capturar comercialmente os mamíferos marinhos novamente no futuro. Os ambientalistas estão chocados.

Pela primeira vez em cerca de três décadas, o Japão vai novamente caçar baleias por razões comerciais oficiais. Para este propósito, a terceira maior economia do mundo está deixando a Comissão Internacional da Baleia (IWC), como o governo anunciou em Tóquio. A caça às empresas será retomada em julho do próximo ano.

O porta-voz do governo, Yoshihide Suga, disse na quarta-feira que na reunião anual não houve "concessões" por parte dos estados, que estão comprometidos exclusivamente com a proteção de mamíferos marinhos. A coexistência no IWC, portanto, não é mais possível.