sábado, 2 de fevereiro de 2019

"Eu sou um cristão verdadeiro", diz Maduro diante de um setor evangélico

VENEZUELA.- Nicolas Maduro participou de uma cerimônia religiosa , onde ele disse que é " uma verdade cristã " e pediu aos presentes para orar por ele , para a crise política e social grave no país. 

"Ore por mim", Maduro perguntou em uma cerimônia religiosa chamada " Congresso do Movimento Cristão pela Paz ". "Peço-lhe para me dar as suas bênçãos e rezar pela paz e para o futuro da Venezuela (...) peço o suficiente para tomar as rédeas do país em direção a uma melhor amor destino , " ele disse 

" Eu sou um cristão verdadeiro, não um enganador, não como os fariseus hipócritas . Eu sou um cristão de Cristo. Todo dia que passa eu sou mais crente eEu tenho mais fé em Deus e na força de Cristo , porque ele me acompanha, me abraça, me protege com seu manto sagrado ", disse Maduro. 

O evento foi transmitido pela televisão estatal. No final, um dos pastores que apóiam o regime de Maduro , intercedeu pela vida do presidente, seus ministros e os membros das Forças Armadas. Ele também expulsou do país "todo demônio de guerra, todo demônio de divisão" . 

O outro setor evangélico, o maior, convocou campanhas de oração em várias cidades do país. A maioria desses pastores evangélicos já se manifestou em favor de Juan Guaidó assumindo a presidência. 

Recentemente,A Confederação das Igrejas Cristãs da Venezuela reconheceu Guaidó com alguém "chamado a liderar a nação neste período transitório".

líderes evangélicos também chamam para o " fim da ditadura , " dizendo cessar " usurpação da Presidência da República " e "eleições livres de urgência no contexto de um acordo nacional" são detidos.