segunda-feira, 14 de outubro de 2019

Astronauta captura a imagem majestosa do 'Olho do Saara' através da ISS

A Agência Espacial Européia (ESA) publicou neste domingo uma fotografia da estrutura de Richat, formação geológica enigmática no centro da Mauritânia, conhecida como 'O olho do Saara'.


A estrutura de Richat, com cerca de 40 quilômetros de diâmetro, foi criada pelo efeito da erosão ao longo de milhões de anos.

 "Uma memória indelével da primeira missão", a agência cita o astronauta italiano Luca Parmitano, que capturou o objeto durante sua permanência na ISS.

A estrutura de Richat, com cerca de 40 quilômetros de diâmetro, foi descoberta em 1965 pelos astronautas da NASA James McDivit e Edward White. Sua origem geológica permaneceu até recentemente objeto de controvérsia. De fato, a hipótese inicial apontou que o olho apareceu após o impacto de um meteorito caído na Terra centenas de anos atrás. No entanto, estudos posteriores revelaram que a origem da estrutura é totalmente geológica e que foi criada pelo efeito da erosão ao longo de milhões de anos.