segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Família holandesa é encontrada morando no porão por 9 anos 'esperando o fim dos tempos'

Uma família de seis pessoas que passou nove anos em um porão foi descoberta pela polícia na Holanda depois que um deles apareceu em um pub local. 

Cinco irmãos com idades entre 18 e 25 anos, juntamente com o pai doente, foram resgatados de um porão escondido em uma fazenda holandesa, depois que o filho mais velho escapou e entrou em um pub local para procurar ajuda.

Segundo a emissora de notícias local  RTV Drenthe , a família "vive em um porão há anos, esperando o fim dos tempos".

Relatórios da RT : A polícia desceu sobre a fazenda isolada em Ruinerwold, Holanda, depois que o filho, agora com 25 anos, escapou na noite de domingo e correu para um pub próximo em busca de ajuda. Explicando que ele havia saído à noite porque " não era possível durante o dia ", o homem - sujo, despenteado e confuso, segundo o proprietário do pub - disse que morava na fazenda com seus irmãos e irmãs e que " queria terminar do jeito que eles estavam vivendo . ”

As crianças e um homem acamado, que se acreditava ser o pai, viveram escondidos no porão da fazenda por nove anos, esperando o " fim dos tempos ", segundo a mídia holandesa. Um Josef B., 58 anos, um faz-tudo que anteriormente era o único inquilino conhecido da casa, foi preso no local por se recusar a cooperar com a investigação. 

Os irmãos moravam no porão da casa, que só era acessível através de uma escada escondida atrás de um armário na sala de estar e, segundo informações, eles desconheciam que havia outras pessoas no mundo. A casa em si era isolada por um canal, acessível por uma única ponte e protegida por um portão trancado. Os vizinhos que tentaram investigar descobriram que a propriedade estava cheia de câmeras de vigilância. 

Segundo o irmão mais velho, as crianças nunca foram à escola e não foram registradas por nenhuma autoridade local. Acreditava-se que a família era auto-suficiente, com uma horta e gado para sustentá-los. Pensa-se que a mãe deles tenha morrido antes que a família se mudasse para a casa da fazenda - " há muito tempo ", segundo o prefeito - embora alguns relatos sugeram que ela está enterrada na propriedade.

O único visto fora da propriedade foi Josef B., a quem os vizinhos testemunhavam entrar e sair da fazenda diariamente. Ele também assistia com binóculos para afastar invasores, relataram vizinhos.

A polícia ainda está investigando como a família viveu por tanto tempo isolada e a natureza exata do relacionamento entre Josef B. e a família. Os irmãos foram removidos de casa.