terça-feira, 12 de novembro de 2019

Mãe grávida usa fuzil AR-15 e mata dois bandidos que invadiram sua casa

Uma mulher grávida é creditada por salvar a vida de seu marido e filha depois que ela usou um AR-15 para matar fatalmente um bandido, segundo um relatório.

A mãe-heroína entrou em ação quando dois invasores entraram na casa da família em Lithia, na Flórida, na semana passada, e a pistola chicoteou o marido enquanto agarrava violentamente a filha, segundo o escritório do xerife do condado de Hillsborough.

"Eles chegaram encapuzados e mascarados", disse o marido, Jeremy King, ao Bay News 9 .
"Assim que eles abriram a porta dos fundos, eles tinham uma pistola em mim e estavam agarrando minha filha de 11 anos."

Os assaltantes então chicotearam King e o chutaram enquanto a esposa do homem, grávida de oito meses, se retirava para o quarto.

"Quando ele veio em direção à porta dos fundos em sua linha de visão, ela o cortou", disse King à saída. "Ele chegou da minha porta dos fundos a cerca de 90 metros na vala da frente antes que o AR fizesse suas coisas."

A polícia disse em uma entrevista coletiva que encontrou o cadáver do homem deitado na vala próxima. O segundo suspeito estava à solta.

O proprietário disse que levou uma "surra grave", mas creditou sua esposa por salvá-lo.

"Eu tenho uma cavidade ocular fraturada, uma cavidade sinusal fraturada, uma concussão, 20 pontos e três grampos na minha cabeça", disse King.

“Eles entraram com duas pistolas normais e meu AR parou. [Minha esposa] igualou o campo de jogo e os impediu de me matar. ”

O escritório do xerife acrescentou que a arma estava dentro de casa legalmente.