domingo, 8 de março de 2020

Organização Mundial da Saúde adverte que o coronavírus representa uma ameaça global maior que o terrorismo

A Organização Mundial da Saúde alertou que o coronavírus é "o pior inimigo que você pode imaginar", o que representa uma ameaça global maior que o terrorismo.


A agência de saúde da ONU, que está instando o mundo a "acordar", também deu um novo nome ao vírus: COVID-19. O CO significa corona, VI o vírus, D a doença e 19 o ano em que surgiu.



O Mail Online relata: a China espera que o vírus assassino, que já matou mais de 1.000 vidas e abalou mais de 44.500 pessoas, seja contido em abril.

Mas o diretor-geral da OMS, Dr. Tedros Ghebreyesus, disse que o medicamento pode continuar por mais de um ano e alertou que uma vacina pode levar pelo menos 18 meses para se desenvolver.

Ele acrescentou: 'Para ser honesto, um vírus é mais poderoso na criação de agitações políticas, sociais e econômicas do que qualquer ataque terrorista. É o pior inimigo que você pode imaginar.

Ontem, uma importante autoridade médica de Hong Kong previu que o coronavírus poderia infectar mais de 60% da população global se os métodos de contenção falharem e o vírus atingir seu potencial de disseminação. 

O professor Gabriel Leung, presidente da área de saúde pública da cidade, especulou na terça-feira que, mesmo que o coronavírus mate apenas 1% dos pacientes, ele ainda pode acabar com 45 milhões dos 7,58 bilhões de pessoas estimadas na Terra.  

As autoridades de saúde esperam que a identificação mais rápida de pacientes e os métodos de contenção impeçam o vírus de atingir seu potencial mortal, mas o surto já provocou ondas de choque nas bolsas de valores e nas cadeias de suprimentos em todo o mundo. 

A OMS acredita há muito tempo que uma nova pandemia de doenças pode correr rapidamente em todo o mundo e desestabilizar a sociedade, devido às viagens aéreas modernas. 

O forte aviso do Dr. Ghebreyesus foi uma declaração mais ampla sobre novos vírus desconhecidos, não especificamente o coronavírus chinês. 

Isso ocorre depois que a agência de saúde das Nações Unidas deu à doença seu nome oficial, COVID-19. 

O CO significa corona, VI o vírus, D a doença e 19 o ano em que surgiu, explicou o Dr. Ghebreyesus na terça-feira, quando foi revelado. 

Os chefes da OMS disseram que evitaram se referir a uma localização geográfica, animal ou grupo de pessoas, para que isso não causasse nenhum preconceito. 

O vírus, que possui vários nomes, de simplesmente coronavírus a coronavírus Wuhan, coronavírus chinês ou até gripe de cobra, precisa de seu próprio apelido, porque é apenas um tipo de coronavírus.

A palavra refere-se a um grupo de vírus que contém aqueles que causam SARS (síndrome respiratória aguda grave) e MERS (síndrome respiratória do Oriente Médio).   

O número de novos casos relatados na China a cada dia começou a se estabilizar, diminuindo constantemente nos últimos seis dias.

Mas os cientistas que enfrentam a crise alertam que o número real será muito maior do que os números mostram, porque milhares de pacientes têm apenas sintomas leves ou são assintomáticos. 


Loading...